Páginas Amarelas Digitais – Devo apostar minha presença digital neste formato?

Tempo de leitura: 8 minutos

Antes do avanço da internet e da possibilidade de ter qualquer informação na palma da mão com poucos cliques, a maneira mais comum e segura de encontrar um serviço era através das páginas amarelas. Uma encadernação grossa, pesada, de páginas frágeis e letras pequenas, que separava por ordem alfabética os serviços disponíveis da cidade. De encanador a dentista, você encontrava o que precisava ali.

Com a revolução que a internet proporcionou, tais publicações acabaram por ficar obsoletas. Algumas empresas, no entanto, aproveitaram o modelo e criaram novas versões desses livrões. Mais segmentadas e bem mais atraentes, temos hoje as chamadas “Páginas Amarelas Digitais”.

No mercado médico, temos dois grandes exemplos destes serviços: o Doctoralia e o Boa Consulta. Nosso objetivo com este texto, não é, de maneira nenhuma desmerecer tais portais. Conhecemos e respeitamos seus pontos fortes. Sabemos, por exemplo, que o agendamento online e os relatórios do Doctoralia são muito bons. Não viemos para menosprezar as ferramentas, gostaríamos apenas de gerar uma discussão em cima do formato, para entender se, de fato, apostar sua estratégia digital nesse tipo de portal é a melhor solução.

A importância de ter uma estratégia digital segmentada

O argumento central contra apostar toda a sua presença digital a portais de páginas amarelas é que o território onde você está colocando as suas fichas não é seu. Ao depender de um portal para que você “exista” na internet, você se põe à mercê desta plataforma.

É como ter uma página no Facebook e crer que isso é suficiente. Com as constantes mudanças dos algoritmos da rede, os resultados de seus usuários são totalmente vulneráveis a elas. Não há como escapar. Ou aceita-se as diretrizes da rede ou recusa-se estar nela. Parece tirano, mas é a realidade.

Vindas desse argumento central, listamos a seguir algumas razões pelas quais vale a pena não deixar toda a sua estratégia dependente de outro. Não é o seu território, logo:

4 desvantagens das páginas amarelas digitais

1. Possui uma barreira extra entre o seu paciente e você

Vamos pensar na jornada de decisão do seu paciente. Claro que aqui estamos falando dos pacientes que seguem uma jornada digital. A pessoa pesquisa, geralmente no Google, por um gastroenterologista, por exemplo. Na página de resultados, vão aparecer algumas opções. Vamos visualizar essa jornada, para ficar mais claro.

desvantagens das páginas amarelas digitais

Nós estamos em Belo Horizonte, por isso, os resultados do Google são voltados para esta cidade. Repare, acima do mapa, que o Dr. Quelson Coelho, um gastroenterologista em Belo Horizonte tem o seu anúncio listado em primeiro lugar.

Através de suas ações com o Google Adwords, o Dr. Quelson garantiu que o primeiro resultado no Google fosse seu. Quem clicar em seu anúncio será levado diretamente ao seu site, que contém todas as informações necessárias para que ela conheça o médico e marque a sua consulta. Simples e fácil.

Agora, imagine que o paciente em questão decida por não clicar no anúncio. Se rolarmos a página de resultados da busca, teremos os resultados orgânicos logo abaixo do mapa.

desvantagens das páginas amarelas digitais

Ali em baixo temos a página do Doctoralia que nos leva aos resultados de Gastroenterologistas em Belo Horizonte. Essa página aqui:

desvantagens das páginas amarelas digitais

Com muito esforço (de tempo e dinheiro) dedicado ao canal, O Dr. Quelson possui um perfil muito forte no Doctoralia e, por isso, ele aparece como destaque entre os profissionais de Gastroenterologia de Belo Horizonte.

Reparou na barreira extra? Existe um buscador dentro de outro buscador. Ao sair do Google, ao invés de ir direto para a página do médico, foi para uma outra página de resultados. Para o paciente isso provavelmente não faz diferença, pois ele está procurando o médico. Agora, para o médico, que quer se destacar no mercado, faz um pouco, não é mesmo?

É muito mais estratégico que o paciente encontre o seu site direto do que um portal que tem um milhão de outros colegas. Isso nos leva ao próximo ponto.

2. Exige um esforço extraordinário para que você se destaque

Vimos ali em cima que o perfil do Dr. Quelson no Doctoralia era um perfil de destaque, certo? Por que ele recebeu essa posição? O algoritmo da plataforma percebe alguns fatores como bons sinais e valoriza isso. Além de pagar o valor mensal que garante a ele um perfil premium, o Dr. Quelson se destaca também por causa dos seguintes elementos:

  • Opiniões de Pacientes: 23 pacientes atendidos por ele foram à plataforma e falaram bem dele. As pessoas valorizam muito quando um profissional é indicado, mesmo que seja por um total desconhecido. Sabendo disso, a plataforma valoriza quem tem muitas opiniões positivas. Mas, existe um jeito de garantir que seus pacientes irão lá defender a sua posição? Não há muito o que você possa fazer além de pedir com jeitinho.
  • Perguntas respondidas: Um serviço interessante da plataforma é a possibilidade de que os pacientes façam perguntas médicas e obtenham suas respostas de especialistas. Nosso médico do exemplo respondeu 31 perguntas. Nessas respostas ele obteve confirmação de 14 colegas, afirmando que aquelas respostas estavam certas e completas. Por causa dessas respostas ele obteve também um agradecimento de mais de 200 pacientes que, provavelmente, tinham dúvidas semelhantes. Ser ativo conta.
  • Perfil completo: Todos os campos do perfil foram preenchidos de maneira bem completa. Mais uma vez, aquilo que passa credibilidade ao paciente o ajuda a se destacar no ranking de profissionais.

O foco aqui está em trabalhar ativa e constantemente para se destacar. Não preencher os requisitos pode acabar por ser um desserviço. Não basta um perfil gratuito e incompleto, ou mesmo um pago e incompleto ou mesmo um completo sem feedback dos pacientes, como veremos abaixo.

3. A plataforma pode trabalhar contra você

Ainda usando o exemplo dos gastroenterologistas em Belo Horizonte, digamos que na tela de resultados do Doctoralia, ao invés de clicar no perfil do Dr. Quelson, que aparece em primeiro lugar, o paciente tenha escolhido descer a página um pouco mais e clicar em outro profissional. Olhe essa tela:

desvantagens das páginas amarelas digitais

Ao entrar no perfil de um profissional que não atende os requisitos listados acima, o paciente encontra a seguinte mensagem: “Outros pacientes também têm consultado”, com uma espécie de propaganda de outros médicos com perfis “melhores”.

A lógica por trás disso não é má. O portal se propõe a mostrar ao paciente a melhor opção na especialidade que ele busca. Entende-se que quem tem mais depoimentos é um profissional mais bem-aceito, logo, melhor do que aquele que não tem. O portal é focado no paciente, na experiência dele e não necessariamente na sua estratégia digital.

4. As regras podem mudar

Como já dissemos anteriormente, o território das páginas amarelas não é seu. Por isso, se um dia as regras mudarem você não terá muita opção além de aceitá-las ou deixá-las. Imagine se de um dia para o outro os preços mudam, ou as regras de ranqueamento, ou até quem sabe os portais deixam de existir? Se isso acontecer todo o seu esforço foi por água abaixo. Todo o tempo e o dinheiro investidos foram em vão. Isso não seria bom, não é mesmo?

“Então vocês estão dizendo que eu não devo ter um perfil nessas plataformas de páginas amarelas?”

Não. Inclusive é interessante que você tenha, desde que muito bem feitas. Mas essa não pode ser a totalidade da sua estratégia e presença digital. É preciso que você tenha um pouco de controle em suas mãos. Imagina se estes portais deixam de existir da noite pro dia. Você deixará de existir online.

É preciso ter um site seu, com todas as suas informações e que não dependa e não faça propaganda de mais ninguém além de você. O Google é o maior buscador de conteúdo e informação na internet, é preciso que você esteja lá. Um perfil incompleto em páginas amarelas é péssimo, um bom perfil em páginas amarelas é razoável, um bom perfil dentro de uma estratégia completa é o ideal.

Ainda não tem certeza de como fazer sua estratégia? Quer aprender mais sobre o assunto? Confira os artigos a seguir: