4 maneiras de utilizar a tecnologia a favor do seu consultório

Tempo de leitura: 8 minutos

Falar em tecnologia é algo extremamente abrangente e, quando o assunto é tecnologia aplicada à saúde, as opções são inúmeras. Foi pensando nisso que listamos 4 formas de contar com o apoio tecnológico para melhorar o atendimento no seu consultório. Confira!

1.Tenha uma presença digital

Tratar sobre presença digital nos dias de hoje é inevitável. Já tocamos nesse assunto algumas vezes aqui no blog, mas vamos falar mais uma vez porque, se você ainda não acredita na importância do tema, está na hora de começar. Dá uma olhada neste gráfico aqui:

pesquisa - tecnologia em favor do consultório

Em uma pesquisa feita pelo Google em 2006 (isso mesmo, mais de 10 anos atrás), 99% dos entrevistados responderam que recorrem à internet para buscar por questões médicas. Isso quer dizer que o irritante Dr. Google já ganhou de todo mundo em número de consultas.

Sabendo que a web é o primeiro lugar que as pessoas vão para buscar informações de saúde, você ainda acha que presença digital é besteira nossa? Espero que não. Mas falar em presença digital pode parecer um pouco intangível, né?! Vamos exemplificar aqui alguns meios de tornar esta presença mais palpável. Vamos lá?

Tenha um site focado

Ter um site é fácil. Ter um site um bonito é bom. Agora, ter um site focado em conversão é o canal. Acredite, não adianta apenas ter um site se ele não tiver sido feito com o objetivo de te gerar mais pacientes. Afinal, no fim do dia, o site médico perfeito é aquele que gera resultados, ou seja, agendamentos de consultas para você.

Por isso, tenha em mente algumas coisas nas quais você precisa focar:

CTAs (calls-to-action) chamativos e bem posicionados. Uma call-to-action é um convite para ação. Qual a ação que você espera que o visitante do seu site tome? Você quer que ele marque uma consulta? Então tenha um botão bonito e estrategicamente colocado, com os dizeres “Marque uma consulta”. É interessante pensar em onde essas CTAs estarão, afinal, o objetivo delas é persuadir o visitante do seu site a clicar.

Um bom trabalho de storytelling. O seu site deve contar uma história. Você deve envolver o leitor. Pense que, ao navegar pelo site, a pessoa deve encontrar um início, um meio e um fim. Assim, trabalhe com coesão e coerência na linguagem e nas seções escolhidas para compor o seu espaço na internet.

Headlines atrativas. Chame atenção. Os títulos de cada parte do seu site devem ser atrativos e intrigantes, gerando no visitante a vontade de parar e ler o conteúdo daquela seção. Algumas sugestões de conteúdo são: estatísticas interessantes sobre a especialidade e suas principais doenças; uma explicação de quando se deve procurar por um especialista em determinadas situações; um pouco sobre os principais atendimentos que você faz e etc.

Mande e-mails

Uma excelente, e ainda assim simples, maneira de utilizar a tecnologia a favor do seu consultório é o envio de e-mails. Esta ferramenta não é nenhuma novidade, afinal todos usamos e-mail hoje em dia, não é mesmo?

O interessante de você, como médico, enviar um e-mail para o seu paciente é a demonstração de um interesse gigante da sua parte. O paciente se sente especial e a estratégia ainda aumenta o nível da experiência geral dele com você.

Algumas ferramentas (como o iMedicina) são muito úteis e facilitam muito a vida, pois elas permitem que os e-mails sejam personalizados e segmentados. Funciona assim: no mesmo sistema em que você faz os atendimentos e tem o cadastro dos pacientes, é possível criar modelos de e-mails segmentados, relembrando algum assunto sobre o atendimento, quem sabe dando dicas de estilo de vida e etc. Estes e-mails ficam salvos e você pode dispará-los quando quiser. É possível (e recomendado!), ainda, colocá-los dentro de uma automação, na qual eles são disparados automaticamente de acordo com o gatilho escolhido por você.

2. Abrace o agendamento eletrônico

Você sabia que as reclamações por causa do extenso tempo de espera no telefone, para poder agendar um atendimento, estão entre as mais listadas nos serviços em saúde? O agendamento eletrônico é uma ferramenta poderosíssima e que traz benefícios para você e para os seus pacientes.

Algumas dessas vantagens que o agendamento eletrônico traz para o seu consultório são: menor esforço e tempo gasto no agendamento (tanto para o paciente, quanto para o seu funcionário); disponibilidade no horário de marcação (a internet funciona 24 horas por dia); diminuição das taxas de falta; integração e flexibilidade.

Nós escrevemos um artigo sobre o assunto recentemente, e você pode tirar todas as suas dúvidas aqui.

3. Entenda mais sobre a Telemedicina

A telemedicina é um recurso tecnológico e de telecomunicação que possibilita aos médicos trocarem informações à distância. Isso faz com que os serviços médicos possam ser levados a qualquer lugar, ultrapassando as barreiras de clínicas e consultórios e ampliando o acesso ao atendimento.

Este recurso é uma prova muito tangível de como as interações em saúde foram modificadas com o avanço tecnológico. O lado mais vantajoso da tecnologia fica por conta, claro, da oferta de uma assistência médica mais globalizada e mais eficiente, excluindo a necessidade de locomoção e vencendo diversas barreiras para serviços de saúde.

O seu uso também auxilia na melhora da qualidade do atendimento primário em saúde, principalmente em locais onde a presença médica não é tão forte.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira este artigo do blog do iMedicina que traz informações mais completas e ainda uma resposta para a questão: “A telemedicina ameaça a medicina tradicional?”.

4. Adote um software de gestão

Gerir o consultório utilizando apenas papel e caneta é extremamente difícil atualmente. O ideal é informatizar o seu empreendimento para centralizar todas as áreas do seu consultório em um só software de gestão e atendimento.

As opções no mercado são muito variáveis, por isso preste atenção a alguns detalhes sobre o que um software de gestão de consultório realmente útil deve ter:

Seguir regulações e recomendações oficiais. Existem duas entidades que se preocupam com a proteção das informações de pacientes que são inseridas nos meios virtuais. Seja através de prontuário eletrônico ou de softwares de gestão, o Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) se esforçam, através da criação de códigos de regulamentação, para garantir a maior segurança possível à esta informação.

Boa usabilidade. Você não quer um sistema ruim de utilizar, quer? Procure algo com uma interface simples e de fácil utilização. Algo intuitivo e que tenha as funções de que você precisa vai facilitar a sua vida e economizar tempo, conforme você se acostuma com a ferramenta.

Mobilidade. O software de gestão precisa oferecer acesso a partir de plataformas diferentes, ou então já é ultrapassado. A rotina de vida que temos exige que possamos acessar informações de onde estivermos, o que inclui o uso de celulares e tablets, e não apenas de computadores. Fique de olho também na maneira como o armazenamento dos dados é feito.

Prontuário eletrônico. O seu software de gestão, para ser eficiente, PRECISA estar conectado ao sistema de prontuário eletrônico. Preste atenção se a ferramenta é fácil de utilizar e se as informações anteriores do paciente estão disponíveis e com acesso rápido e intuitivo. Não negligencie a parte mais importante do seu software de gestão.

Observe os extras. Bons softwares devem ter diferenciais. No que este produto se difere dos outros? No que ele te ajuda mais do que a concorrência? Você consegue trocar um pelo outro sem perceber diferença nenhuma? Então não troque. Os diferenciais são fatores determinantes para você escolher o que vai te atender de maneira mais eficiente. Não deixe passar nenhum detalhe.

E aí? Gostou das dicas? Continue acompanhando o nosso blog para mais conteúdos relevantes. Aproveite também para saber mais sobre o iMedicina e ter uma experiência real de como a tecnologia pode ajudar o seu consultório. Clique no banner abaixo e entre em contato com a gente!